terça-feira, 18 de junho de 2013

R$0,20 é o bode expiatório!

Antonio Nunes de Souza*

Eu, puta velha, depois de atravessar muitas décadas acompanhando essa política horrorosa do nosso país, onde as características dos nossos ilustres eleitos são na grande maioria, infestadas de corruptos e desnaturados, tenho direito de desconfiar de determinados procedimentos que, com as astúcias que são preparadas, por mais sagaz que você seja, termina procedendo como “Maria vai com as outras”, já que nós brasileiros adoramos esculhambação e carnaval.
Esse filme que estamos vendo esses dias, nada mais é que um repetição dos “caras pintadas”, organizado por grupos interessados em derrubar Collor de Melo, em função de estar atrapalhando muitas coisas, mesmo sendo ele nada de maravilhoso em sua tonta e desastrada administração. Mas, não fosse a armação bem feita pela oposição, ele teria terminado sua gestão, assim como muitos iguais ou piores, passaram pelo palácio da aclamação e o povo engoliu sem maiores protestos!
Pode-se perceber que, dentre os seguidores do movimento, cuja característica exposta é de uma manifestação pacífica, grupos de vândalos com os rostos cobertos, seguem nas frentes quebrando tudo, provocando incêndios, atacando os policiais, saqueando lojas e bancos, estimulando os pobres idiotas que acreditam que esses canalhas estão ali para favorecê-los. São, simplesmente, os soldados do mal, pagos regiamente, mantidos por aqueles que querem desestabilizar os governos municipais, estaduais e federal, já preparando suas podres campanhas, calcadas em fatos por eles provocados, citando em seus palanques e na mídia que foram movimentos espontâneos da população.
É quase impossível alguém com bom discernimento, achar que um aumento de vinte centavos numa passagem seja a causadora de tamanha revolução! Todos os dias ou todas as horas vemos notícias, fotos, filmes de corruptos de bilhões de reais e ninguém vai a rua reclamar que seu dinheiro está sendo saqueado. Falam, comentam, mas, sempre achando que é um comportamento normal dos políticos.
Embora achando justa a reivindicação, seria maravilhoso que, realmente numa manifestação de brasilidade e cidadania, o povo fosse as ruas em sua totalidade, exigir a saída desses bandidos protegidos por redomas criadas por eles mesmo e, infelizmente, sempre reeleitos pelo sofrido povo que, muita vezes inocente, ou interessados em mamar também nas gordas tetas do governo!
Desejo que os aumentos não vinguem, mas, o mais importante é estar atento as coisas muito maiores como a educação, saúde, segurança e moradia, que o governo manda os recursos e estes são surrupiados pelo caminho em função da benevolência das leis obsoletas.
Infelizmente, ainda tenho minhas dúvidas com relação à prova de cidadania brasileira. Creio que, cantar nosso hino com orgulho e em defesa da nossa pátria, somente existe nos jogos da seleção brasileira!

*Escritor – Membro da Academia Grapiúna de Letras –          antoniodaagral26@hotmail.com  



Nenhum comentário: